Mostrando postagens com marcador florestal. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador florestal. Mostrar todas as postagens

14 junho 2015

Conhece a Hawths Tools? Saiba como instalar no ArcGIS 10.x

A Hawths tools, embora descontinuado, é uma extensão muito útil para ArcGIS (ArcMap, especificamente). Ele é projetado para executar a análise espacial e funções que não podem ser convenientemente realizadas com ArcGIS normalmente.

A maioria dessas ferramentas de análise foram escritos no contexto das aplicações ecológicas (análise de movimento de animais, a seleção de recursos, amostragem, interações predador-presa e cadeias tróficas e muitas outras). No entanto, eles têm sido criado de tal forma a ser tão amplamente aplicável quanto possível.

Ele é muito utilizado para inventário florestal, mais especificamente no lançamento de parcelas, onde é utilizado para criação de grids amostrais ou mesmo parcelas aleatórias.

Por exemplo nosso colega Edgar fez um vídeo de como instalar o HT no ArcGIS 10 e 10.1 pois ele  além de descontinuado, não foi desenhado para estas versões .Mesmo assim é possível fazer funcionar, veja como proceder no vídeo do link abaixo.

07 abril 2015

Geo-Wiki - Cobertura florestal

Dois novos mapas da cobertura florestal do mundo permitem localizar a massa de florestas e selvas do planeta com uma precisão sem precedentes até agora.
Acessar: http://www.geo-wiki.org/ (faça login e escolha forest no menu)

Ler mais: 
http://www.painelflorestal.com.br/noticias/voce-e-a-floresta/instituto-lanca-novos-mapas-da-cobertura-florestal-no-mundo
http://www.iiasa.ac.at/web/home/about/news/150330-ForestMap.html


05 setembro 2014

Uso de Vant na área florestal

Estudo de Caso : Softmapping: Mensuflor 2014



  • Medição Precisa de Alturas de Árvores
  • Censo Florestal – contagem individual
  • Maior Facilidade no Micro Planejamento

Softmapping, material da apresentação: Talhão virtual no ArcScene

--> Confira o artigo apresentado pela Softmapping no II Encontro Brasileiro de Mensuração Florestal - Clique aqui

--> Vídeo do Talhão Virtual ArcScene

Contatos: marcio@softmapping.com.br

01 setembro 2014

Forest Inventory App, novo aplicativo android para inventário

Fonte: supergeoteck.com
Forest Inventory App, um aplicativo Android projetado para coleta de informações florestais, desenvolvido pela Supergeo, será lançado para disponibilizar aos profissionais florestais uma ferramenta profissional e acessível para levantamento de campo e gravação de dados biométricos. Com este aplicativo, administradores de recursos naturais pode gravar rapidamente a informação necessária durante levantamento de campo e melhorar a eficiência da tarefa.

Para ajudar os profissionais florestais no levantamento e localização de unidades amostrais mais precisamente, o Forest Inventory App permite gravar tracks com GPS e exibir no mapa diretamente. Os dados podem ser salvos como SHP e arquivo KML facilitando a abertura e compartilhamento da informação.

De acordo com a Equipe de Produto do Supergeo, o app especial para silvicultores vai ser lançado no 4º trimestre de 2014 e será primeiramente apresentado durante INTERGEO 2014 (Outubro), em Berlim, Alemanha. Para mais informações, por favor visite www.supergeotek.com.

16 abril 2014

The Wood Database - Uma ótima base de dados sobre madeiras

Source: /www.wood-database.com
Para os florestais de plantão, uma ótima dica é a base de dados The Wood Database.
Criado por Eric Meier, esta base de dados está crescrendo muito e apresenta números técnicos sobre a madeira e descrição das características, usos, densidade, etc, de diversas espécies ao redor do mundo e também conta com contribução de pessoas do mundo todo.

Confira o projeto e veja por exemplo dados da maderia do E. urograndis: Clique aqui




17 fevereiro 2014

Vem aí o XI SenGef, em outubro

Fonte: www.11sengef.com.br
Coloque desde já na sua agenda. Temos um encontro marcado no XI SenGef (Seminário de Atualização de Sensoriamento Remoto e Sistemas de Informações Geográficas Aplicados à Engenharia Florestal).
O evento é organizado pela UFPR, Unicentro e IEP e já é tradicional entre os profissionais da área GIS/Florestal.

Programado para 14 a 16 de Outubro, 2014 no Museu Oscar Niemeyer (Rua Marechal Hermes, nº 999, Centro Cívico. Curitiba - Paraná.), conta com submissão de artigos científicos, exposição técnica, renomados palestrantes convidados de instituições nacionais e estrangeiras. 

Mais informações em http://www.11sengef.com.br/

31 janeiro 2014

Redes neurais artificiais aplicadas à ciência florestal são temas de curso

Por meio de uma parceria entre as Universidades Federais de Viçosa (UFV) e do Vale do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM), empresa Dap Engenharia Florestal e projeto Neuro Forest será realizado, entre os dias 24 e 26 de março, em Viçosa, Minas Gerais, o curso Redes Neurais Artificiais aplicadas à Ciência Florestal.



O curso será ministrado pelo engenheiro florestal, doutor Daniel Henrique Breda Binoti, com uma carga horária de 24 horas, divididas em três dias. De acordo com Binoti, o curso vai demonstrar todas as funcionalidades desta nova ferramenta que vem revolucionando o setor florestal.

No conteúdo do curso destacam-se os tópicos “O que são redes neurais artificiais”, “histórico”, “componentes”, “neurônios artificiais”, “funções de ativação”, “resolução de problemas”, “redes MLP”, “redes RBF”, “Neuro Forest 3.0”, “estimação volumétrica”, “estimação de alturas”, “projeção de crescimento e produção”, “redução de custos em inventário” e “mensuração florestal”.

Serviço: as inscrições para o curso podem ser feitas até o dia 20 de março. Mais informações pelo site www.dapflorestal.com.br ou pelo fone (33) 9103-9119. 

28 junho 2013

DicFor - Dicionário de termos técnicos florestais

Abaixo segue um link para um excelente dicionário de termos florestais Inglês-Português.
Este material foi compilado com base na publicação "English-Portuguese Equivalents of Forestry and Conservation Terms" ou "Termos Equivalentes em silvicultura e conservação Português -Inglês" do professor John K. Francis da USDA/Serviço Florestal Americano.


Este material foi colaboração do colega Eduardo Patto Kanegae, um dos grandes nomes do geoprocessamento brasileiro cujo blog também é referência em P&D SIG e SI, além de Web Mapping, confira em : http://www.webmapit.com/
Aproveite e confira o trabalho Mapa Índice TOPODATA de autoria do Sr. Kanegae, clique aqui

28 fevereiro 2013

Software iOS / Android para Inventário Florestal


Caros,
Fonte: iTunes (Apple)
Uma super dica do amigo Honório Kanegae, um aplicativo para iPhone que permite fazer medições de inventário florestal. 

iHypsometer é o software feito por taakkumn para medir a altura das árvores,  área basal e volume por talhão com iPhone / iPod touch (Você também pode medir a altura de um poste telegráfico, uma torre, um edifício, etc.)

Tudo o que você precisa para medir a altura das árvores é um iPhone / iPod touch com iHypsometer instalado, e um amigo (ou a bastão) cuja altura você sabe.

O aplicativo full custa USD 2,99. Porém há uma versão light para quem possui Android, infelizmente com muito menos recusos disponíveis.


Fonte: www.taakkumn.com
Conheça também o iBitterlich, do mesmo autor, que serve para medir a área basal de um talhão usando a mesma metodologia proposta pelo famoso pesquisador austríaco, Dr. Walter Bitterlich. Confira clicando aqui
PS: Alternativa para Android

25 janeiro 2013

Versão 4.0 do Sistema Nature liberada !

A equipe do Nature (Nature Team) anunciou hoje a liberação da versão 4.0 do sistema.



O sistema é distribuido gratuitamente para coleções científicas de plantas, herbários, xilotecas, carpotecas, espermotecas, Orquidários e outros. 
Segundo o site do projeto, a versão 4.0 conta com inúmeras melhorias, dentre elas:


-Uma das principais novidade da versão é a possibilidade de adicionar até 4 fotos a cada registro de sua base de dados.

-Sistema de Importação de dados das versões 3 e 3.5, tão aguardado pelos usuários.
-Ajuda completa do sistema (aperte F1).
-Tela de opções onde é possível fixar o módulo de trabalho para abrir automaticamente, bem como eliminar módulos que não utilize. Permite ainda zerar os bancos de dados com um clique apenas.
-Tela de seleção de dados auxiliares para ajudar no preenchimento correto dos registros...
-Exportação e Importação de XML. Exportação para Excel.


Mais instruções e DOWNLOAD no site oficial: 
http://sistemanature.blogspot.com/

:::::::::ENGLISH:::::::::
The Nature System 4.0 is freely distributed. It is a system designed to organize and control scientific collections of plants, seeds, wood samples, fruits, matrix trees, fungus, lichens, musgus, algaes, orchids, herbaria, nurseries and others.
The version 4.0 includes numerous improvements, such as:

-Ability to add up to 4 photos for each record in your database.
-Data import from 3.5 version
-Help Full system (press F1).
-Option menu where you can set the work module to automatically open and remove modules you do not use. It also allows to clean databases with one click only.
-Auxiliary data selection -Screen to help correct completion of the records ...
-Export And XML Import. Export to Excel.

The project is undergoing a funraising to develop its multilangual version:

Further instructions and to download on the official website:

http://sistemanature.blogspot.com

12 outubro 2012

Próxima semana temos o X SENGEF em Curitiba, PR

Caros colegas,

Na próxima semana teremos o X Seminário de Atualização em Sensoriamento Remoto e Sistema de Informações Geográficas Aplicados à Engenharia Florestal, como descrito no site do evento, o SENGEF é uma continuação da forma bem sucedida de organização e aceitabilidade por parte da comunidade florestal. O X Seminário (15 - 18 out., 2012 - Curitiba, PR) está sendo cientificamente preparado para fazer constar na programação uma série de palestras com especialistas brasileiros e de outros países da América Latina, além de convidados dos EUA e Europa, envolvidos com a problemática florestal. É importante citar que Empresas e Instituições do ramo de geotecnologias que auxiliam o planejamento, gerenciamento e execução de atividades florestais têm participado com apresentações em estandes no decorrer da exposição técnica especialmente montada para tal fim.

Estaremos presente no evento por meio do nosso colaborador Edgar Rossato que nos trará os detalhes do evento e publicações interessantes para nossa área. Confira ao longo da Semana.

04 outubro 2012

Inteligência Artificial no Manejo de Florestas

Treinamento do SIF e UFV acontece entre 19 e 22 de novembro 2012.


De 19 a 22 de novembro, A Sociedade de Investigações Florestais (SIF) e o Departamento de Engenharia Florestal de Universidade Federal de Viçosa promovem o Treinamento sobre uso de inteligência artificial e pesquisa operacional em mensuração e manejo florestal.

O curso que tem duração de 40 horas tem como facilitados os professores Helio Garcia Leite da UFV, Mayra Luiza M. da Silva Binoti – UFVJM e o Eng. Daniel Henrique Breda Binoti.

Os assuntos que serão abordados serão: Introdução a Pesquisa Operacional; Aplicações da Programação Linear; Aplicações da Programação Inteira; Aplicações da Busca Heurística; Aplicações de Redes Neurais Artificiais,etc.

As inscrições poderão ser efetuadas pelo telefone: 31 3899 1185 ou pelo E-mail:sifeventos@gmail.com

Fonte: Painel Florestal

18 setembro 2012

Aplicativos Android para Engenharia Florestal

Fonte:googleplay
Prezados,

É com satistação que gostaria de divulgar dois aplicativos android desenvolvido na UFSM pelo professor Dr. Enio Giotto e equipe. Aplicativos como estes são inéditos na plataforma gratuíta Android.
Cito abaixo a apresentação dos softwares diretamente da fonte:
Estes aplicativos dão inicio aos programas voltados especificamente para a gestão florestal que pretendemos postar periódicamente no site do Google Play.São aplicativos simples, mas com uma grande objetividade de utilização por parte de Engenheiros Florestais e de estudantes de Engenharia Florestal, com desempenho de atividades nas áreas de Inventário e Manejo Florestal.Além da versão inicial (1.0) que é postada no Google, pretende-se a partir de sugestões de usuários ampliar em novas versões outras funcionalidades e aplicações relacionadas.Neste capítulo primeiro, os aplicativos:C7 - LDFP - Levantamento de dados de florestas plantadas , tem aplicabilidade na gestão de florestas plantadas, com o levantamento de dados de parcelas para diferentes finalidades, tais como inventário florestal, cálculo de relação hipsométrica, cálculos de regressão para volumes entre outras.C7 - Relação H/D. Este programa a partir de dados (DAP e altura total), faz ajustes a modelos de regressão (12), para definir a relação hipsométrica de um povoamento qualquer, a partir de dados amostrais levantados no programa descrito anteriormente:C7- LDFP  e o C7 - Relação HD  tem as suas aplicações descritas no site do Google Play de onde podem ser instalados nos tablets e smartphones conectados.Brevemente iremos disponibilizar no site vídeos tutoriais de como operar com esses aplicativosOutro acesso ao mesmo é a partir da página principal do site do CR Campeiro.Estes dois aplicativos se somam a outros quatros da série C7 já disponibilizados, voltados as áreas de Agricultura de Precisão, Geoprocessamento e Topografia

Para baixar o software, acesse o Google Play, ou clique aqui e envie para seu aparelho:
https://play.google.com/store/apps/details?id=crcampeiro.florestal&feature=search_result
https://play.google.com/store/apps/details?id=com.crcampeiro.florestal&feature=search_result

13 abril 2012

Anunciado o X Seminário de Atualização em Sensoriamento Remoto e Sistemas de Informações Geográficas

Anunciado o X Seminário de Atualização em Sensoriamento Remoto e Sistemas de Informações Geográficas. O evento está programado para ocorrer entre 15 e 18 de Outubro, 2012 no Museu Oscar Niemeyer (Rua Marechal Hermes,nº 999, Centro Cívico. Curitiba - Paraná.).

História do Evento
Fonte da imagem e texto: Site do envento em 10seminarioflorestal.com.br
A partir de 1994 foi iniciada a série de Seminários de Atualização de Sensoriamento Remoto e Sistemas de Informações Geográficas Aplicados à Engenharia Florestal, cujos eventos têm sido tradicionalmente realizados na cidade de Curitiba (Paraná), a cada dois anos. A necessidade de conhecimentos atualizados acerca dos recursos florestais do país tem levado a comunidade de usuários na procura de novas ferramentas e técnicas de extração e manipulação de dados e informações, que possam subsidiar os procedimentos de caracterização, mapeamento, inventário e monitoramento da cobertura vegetal, face acelerada prática de uso pouco racional que tem costumeiramente atuado sobre tais recursos. Nesse contexto, essa série de Seminários tem procurado abordar essa questão, ampliando conhecimentos da comunidade envolvida em estudos e utilizações florestais, quer seja em formações naturais ou povoamentos implantados. Experiências conduzidas na aquisição de conhecimentos teóricos e, preferencialmente práticos, no uso de geotecnologias atuais, envolvendo a fotogrametria e fotointerpretação, sensoriamento remoto, sistemas de informações geográficas (SIG) e sistemas de posicionamento global (GPS) têm feito parte integrante da temática desses Seminários. Desde o início dessa série de nove Seminários, mais de 200 palestras com especialistas convidados, fizeram parte da programação científica, tendo como público-alvo cerca de 1800 participantes. Em continuação a forma bem sucedida de organização e a aceitabilidade por parte da comunidade florestal, o X Seminário (15 - 18 out., 2012 - Curitiba, PR) está sendo cientificamente preparado para fazer constar na programação uma série de palestras com especialistas brasileiros e de outros países da América Latina, além de convidados dos EUA e Europa, envolvidos com a problemática florestal. É importante citar que Empresas e Instituições do ramo de geotecnologias que auxiliam o planejamento, gerenciamento e execução de atividades florestais têm participado com apresentações em estandes no decorrer da exposição técnica especialmente montada para tal fim. (Fonte: Site do evento)

Ver mais...
  • Confira os valores e faça sua inscrição clicando aqui
  • Quer publicar artigos no evento, clique aqui
  • Quer ter acesso a todas as publicações das edições anteriores? Clique aqui
  • Conhecer alguns palestrantes convidados? Clique aqui


03 abril 2012

Presidente da Weyerhaeuser abrirá a ESRI Forestry GIS Conference


Marvin (Ray) Risco, presidente da Weyerhaeuser Solutions, Inc., e vice-presidente da  Weyerhaeuser Florestal, fará a apresentação de abertura da ESRI Forestry GIS Conference na sede da Esri em Redlands, Califórnia, dia 1´ de maio de 2012.


Fonte: esri.com/events/forestry

Notável na indústria florestal, por sua contribuição à gestão operacional global, Risco vai falar sobre como tecnologia e negócios estão mudando por causa de novas demandas, tais como energia renovável e conservação. Weyerhaeuser Solutions está modificando modelos de negócios e algumas de suas ferramentas para se adaptarem às mudanças nas tendências globais.


"Através de uma abordagem holística, silvicultores podem gerir seus produtos de base florestal e incluir a energia renovável e gestão de paisagens e abastecimento de água e qualidade neste contexto", disse Risco. "Os silvicultores e administradores de terras estão fazendo progressos em sua compreensão do valor e da localização dessas oportunidades e maximizar o retorno sustentável por hectare. Esta Conferência é única porque ela é específica para usuários GIS da Silvicultura. Estou ansioso para falar com esta importante comunidade, a ajudar seus executivos e investidores a entender como Weyerhaeuser vê o futuro e seu impacto sobre florestas e recursos madeireiros"

Weyerhaeuser Company, um líder mundial em produtos florestais, tem sido um cliente ESRI de longa data. Usamos o ArcGIS para as operações madeireiras, manejo da terra e desenvolvimento de sua rede de estradas e planejamento florestal.

Risco tem mais de duas décadas de experiência em negócios internacionais, administração geral e financeiro. 

A ESRI Forestry GIS Conference será realizado em Maio, de 1 a 3, 2012. Organizado pelo Grupo Florestal da Esri, esta conferência irá proporcionar aos profissionais florestais de todo o mundo a oportunidade de aprender com especialistas GIS e silvicultores como funcionam os seus sistemas para aumentar a eficiência e o valor da floresta, além de agilidade na tomada de decisões. Para mais informações, visite esri.com/forestry

Adaptado de gisuser.com

07 novembro 2011

Negócio Gigante!!

Klabin e Arauco compram juntas área de 107 mil ha da Vale do Corisco, no Paraná.



Fonte: http://johnsonmatel.com - Imagem do vale que dá nome a empresa Vale Corisco

Com a aquisição da Florestal Vale do Corisco, empresas devem garantir matéria-prima necessária para ampliação da produção de papel e de painéis de madeira. Klabin planejava nova fábrica enquanto Arauco já estava fazendo ampliações em uma de suas unidades.

Veja mais sobre este grande negócio da área florestal clicando aqui

25 julho 2011

Siderúrgica busca alternativas para o carvão mineral

Fonte: MF Rural

Grande emissor de gases do efeito estufa, o carvão mineral é hoje, em todo o mundo, o principal combustível para a produção de aço. No Brasil, o setor consumiu em 2010 mais de 15 milhões de toneladas desse insumo, que é importado e continua prevalecendo como uma fonte energética por conta de limitações tecnológicas e de escala ao uso de opções renováveis nos fornos de alta capacidade.
Mas uma recente decisão da ArcelorMittal, uma das maiores empresas do setor, tem o poder de influenciar concorrentes e direcionar o mercado para o potencial das alternativas limpas. "Nas próximas expansões industriais vamos priorizar, sempre que possível, o carvão vegetal, oriundo de florestas de eucalipto plantadas", afirma Augusto Espeschit, CEO da unidade de Aços Longos.
A meta é aumentar o uso de carvão vegetal de 1,4 milhão para 3,2 milhões de toneladas, nos próximos sete anos. Hoje essa matéria-prima é responsável pela produção de 800 mil toneladas de aço, 20% da capacidade total. "O plano estratégico é no futuro substituir 100% do carvão mineral, o que só poderá ser alcançado com maior segurança no processo, tanto na garantia de origem sustentável como no uso industrial do insumo", ressalta. O passo inicial foi dado na siderúrgica controlada pela empresa em Juiz de Fora (MG), abastecida por sucata (60%) e ferro-gusa obtido por carvão vegetal (40%).
O objetivo é reduzir a dependência da sucata e aumentar a economia de energia. "Mais que pressão de mercado, trata-se de uma decisão estratégica porque precisamos de base para manter nossa participação diante do elevado crescimento do setor, de 8,4% ao ano", explica Espeschit.
Fonte: O Valor F2

21 julho 2011

Alguns Eventos Interessantes na Área Florestal no segundo semestre


Caros leitores, gostaria de divulgar alguns Eventos Interessantes na Área Florestal no segundo semestre de 2011:


Fonte: forestpathology
-Seminário “Certificação Florestal no Brasil”  18/08 no Anfiteatro do Pavilhão da Engenharia Rural – ESALQ/USP Piracicaba/SP (Discutir os principais aspectos dos sistemas de certificação florestal existentes e seu contexto na realidade atual.) (+ Info)

-V Semana de Atualização para Técnicos Agroflorestais em Eucaliptocultura
Local: Campus da UFV -Viçosa MG, de 12 a 16 de setembro de 2011 (+ Info)

-Workshop sobre Restauração Florestal
Local: Anfiteatro de Engenharia, ESALQ/USP - Piracicaba,SP dias 22, 23 e 24 de Setembro de 2011 (+ Info)

-44o Congresso e Exposição Internacional de Celulose e Papel - ABTCP 2011. 
Local: Transamérica Expo Center, São Paulo, SP, de 03 a 05 de outubro de 2011 (+ Info)


-Treinamento em Inventário e Mensuração Florestal
02/08 a 04/08 no Dpto. de Engenharia Florestal – UFV Viçosa /MG (+ Info)

-Curso de Licenciamento Ambiental-Porto Alegre/RS  (+ Info)
23/07 a 24/07 em Porto Alegre/RS

22 junho 2011

Governo controlará aquisições de terras por parte de estrangeiros

Estrangeiro que comprar mais de 5 hectares precisará de aval do governo


Proposta que será enviada ao Congresso prevê 'Conselho de Terras' para avaliar aquisições e transforma União em sócia dos negócios.


Empresas e pessoas estrangeiras que quiserem comprar terras no Brasil, maior a 5 herctares, terão que ter autorização do governo.
-A compra de até 500 mil ha será avaliada e precisará de autorização do CONATER (Conselho que será criado).
-Mais que 500 mil ha precisará de aprovação do Congresso Federal (isso mesmo).
Além disso a proposta de lei prevê que o governo possua uma Golden Share, ou seja, ação no investimento capaz de decisão, como um acionista majoritário.

Veja reportagem clicando aqui

24 novembro 2010

Timberland Investing Latin America 2011!

O IQPC realizará o Timberland Investing Latin America. Pelo 4 º ano consecutivo, o Timberland Investing Latin America será o evento de elite para os executivos interessados em investimentos florestais.

4ª edição de Timberland Investing Latin America continuará com sua tradição de reunir os maiores experts do mercado de investimento florestal mundial, investidores e grandes empresas para mostrar quão lucrativa esta ferramenta de asset class pode ser, se combinada com fortes parceiras, estratégia e cautela.
Com a combinação de apresentações de casos práticos, round tables, painéis de discussão e workshops exclusivos, o Timberland Investing Latin America 2011 irá atrair um público de alto nível, interessado em oportunidades sólidas de investimentos, com menor volatilidade e menor correlação com o mercado de ações.

Welcome to Timberland Investing Latin America 2011!

Once again, IQPC is organizing the conference Timberland Investing Latin America. On its fourth consecutive year, the Timberland Investing Latin America will be the elite event for executives interested in timberland investments.
The 4th edition of Timberland Investing Latin America will continue its tradition of reuniting the most important experts in the global timberland market, investors and leading industry companies to present how lucrative this asset class tool could be if planned with strong alliances, strategy and caution.
With the combination of practical cases, round tables, panel discussions and exclusive workshops, Timberland Investing Latin America 2011 will attract a high level public, interested in investment opportunities, with strong returns, low volatility and non-correlation with global stock prices